Spotify diz que vai suspender serviço na Rússia

Escritório da plataforma no país já havia sido fechado no começo de março após o início da invasão russa à Ucrânia

  • Por Jovem Pan
  • 25/03/2022 16h37
Reprodução Homem segurando celular com logo do Spotify à mostra Plataforma deve deixar de funcionar a partir do começo de abril

O serviço de streaming de músicas e podcasts Spotify anunciou que irá suspender as atividades na Rússia como uma resposta à uma nova lei aplicada às mídias no país. Uma nova legislação aprovada recentemente torna ilegal relatar eventos que possam desacreditar os militares russos envolvidos na invasão à Ucrânia. “O Spotify continua acreditando que é extremamente importante tentar manter nosso serviço operacional na Rússia para fornecer notícias e informações confiáveis e independentes da região”, disse o Spotify. “Infelizmente, uma lei recentemente promulgada restringindo o acesso à informação, eliminando a liberdade de expressão e criminalizando certos tipos de notícias coloca em risco a segurança dos funcionários do Spotify e a possibilidade de até mesmo nossos ouvintes”, disse a empresa. A informação foi dada pela Reuters. O escritório da plataforma na Rússia já havia sido fechado indefinidamente no começo de março, após o que a empresa classificou como “um ataque não provocado de Moscou à Ucrânia”. O serviço deverá ser interrompido no início de abril.