Talibã celebra fim da retirada de tropas americanas do Afeganistão

Porta-voz do grupo, Zabihullah Mujahid, disse que o país asiático agora tem ‘total independência’; EUA anunciaram fim da operação nesta segunda-feira, um dia antes do prazo limite

  • Por Jovem Pan
  • 30/08/2021 20h34 - Atualizado em 30/08/2021 21h27
EFE/STRINGERAo todo, mais de 120 mil pessoas, incluindo cidadãos norte-americanos, diplomatas e cidadãos afegãos foram retirados

Membros do grupo Talibã dispararam tiros para o ar nesta segunda-feira, 30, para comemorar a saída dos últimos aviões americanos que deixaram o Afeganistão, completando a retirada de tropas dos Estados Unidos depois de quase 20 anos. O porta-voz do Talibã, Zabihullah Mujahid, disse que o país asiático agora tem “total independência”. Durante a tarde desta segunda, o Péntagono afirmou que o último avião norte-americano deixou o país. Segundo o general Kenneth McKenzie, “a retirada desta segunda significa não só o fim da operação de evacuação, mas também o fim da missão de quase 20 anos que começou logo após o dia 11 de setembro de 2001”. Ao todo, mais de 120 mil pessoas, incluindo cidadãos norte-americanos, diplomatas e cidadãos afegãos que colaboraram com a missão dos EUA foram retirados.