Trump conversa com Bolsonaro sobre Covid: ‘Brasil enfrenta grande problema’

  • Por Jovem Pan
  • 01/04/2020 21h12 - Atualizado em 02/04/2020 08h35
Stefani Reynolds/EFE"Trump se colocou à disposição do Brasil no que for necessário para o combate à doença", diz ministro das Relações Exteriores

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou que teve uma conversa por telefone com o presidente Jair Bolsonaro na manhã desta quarta-feira (1º). Ao ser questionado sobre o assunto em coletiva de imprensa na Casa Branca, o republicano disse que a ligação com o mandatário brasileiro foi “muito cortês” e que o Brasil enfrenta “um grande problema” com a pandemia de coronavírus.

“O Brasil está fechado, o mundo inteiro está”, afirmou Trump, em referência às medidas de distanciamento social e quarentenas impostas para tentar frear a disseminação do vírus.

Mais cedo, Bolsonaro escreveu em suas redes sociais que conversou com o líder da Casa Branca sobre o uso da hidroxicloroquina para o tratamento de pacientes com Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus. A eficiência do medicamento, no entanto, não tem comprovação científica.

Presidentes não falaram especificamente de confinamento, diz ministro

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, afirmou que Trump se colocou à disposição do Brasil “no que for necessário” para o combate à doença. Segundo ele, os líderes não trataram especificamente de medidas de confinamento e quarentena. “Bolsonaro e Trump queriam trocar encorajamento nesse momento difícil”, relatou.

“(Eles) falaram da cooperação, o presidente Trump se colocou à disposição para a cooperação com o Brasil no que for necessário, na parte logística, na parte médica. Isso é algo que, dadas as capacidades dos Estados Unidos, certamente pode ser muito importante para o Brasil”, disse o ministro durante entrevista coletiva no Palácio do Planalto.

* Com informações do Estadão Conteúdo