Trump é a favor de vetar técnica que matou Floyd, mas ‘depende do caso’

  • Por Jovem Pan
  • 12/06/2020 20h14
EFE/EPA/Stefani Reynolds Trump destacou que a decisão sobre a utilização da prática caberá às juridições locais

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se mostrou favorável nesta sexta-feira, 12, à proibição da técnica policial de imobilizar detidos pelo pescoço, a mesma que provocou a morte de George Floyd. No entanto, justificou que em alguns casos os agentes usam esta prática “inocente” contra gente “má”.

“Acredito que seria muito bom, falando no geral, acabar com a prática de imobilizar os detidos pelo pescoço”, disse o mandatário ao ser questionado sobre o assunto em entrevista à emissora Fox News, em Dallas.

Mas, de acordo com o presidente, depende do caso. “Não gosto das imobilizações pelo pescoço, (mas) às vezes, se você está sozinho e luta contra alguém, é difícil. Acho que o conceito de imobilizar pelo pescoço soa tão inocente”, comentou.

George Floyd foi sufocado até a morte no dia 25 de maio, enquanto era detido pelo policial branco Derek Chauvin por supostamente ter usado uma cédula falsa de US$ 20. Trump ressaltou que é “bom” falar sobre esta prática, e que considera razoável proibi-la.

“Mas, pensando nisso, pode haver uma briga feia na qual o agente coloca alguém em uma posição que é muito complicada”, declarou o mandatário, que destacou que a decisão sobre a utilização da prática caberá às juridições locais, mas que o governo federal poderia oferecer recomendações.

* Com EFE