Nigel Farage, líder da campanha do Brexit, pede que saída da UE não seja adiada

  • Por Estadão Conteúdo
  • 03/11/2016 11h12
Nigel Farage

Nigel Farage, líder do partido anti-União Europeia, UKIP, disse que está preocupado que políticos tentarão bloquear ou adiar a saída do Reino Unido da União Europeia. A Suprema Corte do Reino Unido ter decidido nesta quinta-feira que o governo da primeira-ministra Theresa May precisará da aprovação do Parlamento para detonar o processo de saída da União Europeia, o chamado Brexit. Farage afirmou que a decisão é uma traição com aqueles que votaram pela saída do Reino Unido do bloco. 

Ao mesmo tempo, os líderes dos partidos de oposição pedem que o governo britânico diga ao Parlamento que está negociando os termos do Brexit, após a decisão da Suprema Corte. 

O líder do Partido Trabalhista, Jeremy Corby afirmou: “Deve haver transparência e prestação de contas ao parlamento em relação ao Brexit.”