Novos presidentes de Senado e Câmara dos Deputados tomam posse na Bolívia

  • Por Agencia EFE
  • 19/01/2015 22h28

La Paz, 19 jan (EFE).- O novo presidente do Senado na Bolívia, o jornalista José Alberto “Gringo” Gonzales, e a titular da Câmara dos deputados, Gabriela Montaño, ambos governistas, assumiram nesta segunda-feira seus cargos nas reuniões anteriores à sessão inaugural da nova legislatura, na próxima quinta-feira.

Pelo segundo dia consecutivo, os deputados e senadores que legislarão o país até 2020 tiveram hoje reuniões separadas na cidade de Sucre, capital constitucional da Bolívia.

Gonzales convocou os senadores a trabalharem juntos “nesta enorme responsabilidade de construção de país onde o povo viva bem”, enquanto Montaño expressou seu desejo de que a Assembleia Legislativa seja um espaço para o debate com respeito e capacidade democrática.

O atual presidente da Bolívia, Evo Morales, foi reeleito no pleito de outubro com 61,3% dos votos para o terceiro mandato consecutivo até 2020 e seu partido alcançou maioria no parlamento, com 25 das 36 cadeiras do Senado e 88 das 130 na Câmara dos Deputados.

Além de Gonzales, a direção da câmara alta é formada pelos governistas Nélida Sifuentes Cueto, Rubén Medinaceli e María Argene Simoni, e os opositores Jeanine Añez Chávez, da Unidade Democrata (UD) e Víctor Hugo Zamora, do Partido Democrata Cristão (PDC).

Pedro Montes, que foi o líder da Central Operária Boliviana (COB) entre 2009 e 2012, é o chefe da bancada governista no Senado; o da UD é Oscar Ortiz e o do PDC é Zamora.

Na Câmara dos Deputados, acompanham Montaño na direção Víctor Borda, Nelly Lens e Claudia Tórrez, do governista Movimento ao Socialismo (MAS) e os opositores Luis Felipe Dorado e Erick Morón, da UD, e Gina Tórrez, do PDC.

A bancada do MAS será dirigida pela líder cocaleira Juanita Quispe; a da UD pela ex-analista política Jimena Costa e a do PDC por Norma Piérola.

Os parlamentares terão amanhã em La Paz a primeira sessão plenária na qual aprovarão a “Lei de Proclamação do Presidente e vice-presidente do Estado Plurinacional da Bolívia”.

Na sessão inaugural do Legislativo nesta quinta-feira, Morales iniciará seu terceiro mandato com a posse no parlamento e em seguida fará uma mensagem à nação que deverá ser divulgada em cadeia nacional por todos os canais de rádio e televisão. EFE