Número de menores apreendidos em flagrantes cresce em São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 28/04/2014 09h23

O número de menores apreendidos em flagrante durante a prática de crimes não para de crescer em São Paulo. Nos três primeiros meses deste ano, a alta foi de quase 11% em todo o Estado na comparação com o mesmo período de 2013.

Na capital paulista, a elevação é ainda maior – 40% – de janeiro a março foram apreendidos 994 adolescentes. O secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, destacou que, em muitos casos, os jovens estão envolvidos em delitos violentos.

*Ouça os detalhes no áudio

Na última semana cinco, homens foram presos acusados de recrutar menores no centro da cidade para roubar relógios de luxo, na região dos Jardins. Falando a Andre Aguiar, o delegado geral da Polícia Civil de São Paulo, Luiz Maurício Blazeck, ressaltou que esse fenômeno é verificado em todo o país.

Em fevereiro, a Comissão de Constituição e Justiça rejeitou proposta do senador Aloysio Nunes de reduzir para 16 anos a maioridade penal. O parlamentar vai apresentar recurso para que o plenário do Senado analise a possibilidade de aumentar a punição para menores.

No fim de semana, a polícia apreendeu um rapaz de 15 anos que participou da morte do ortopedista da seleção brasileira de tênis de mesa, Dárcio Correia.

Falando a Izilda Alves, o advogado Claudio Coreia, irmão da vítima que morreu em março em tentativa de assalto em São Caetano do Sul, desabafou.

Segundo a PM, o menor confessou ter atirado no médico, revelou participar de quadrilha de roubo de carros de luxo e que fugiu para a Paraíba.

Após dias de buscas pela polícia daquele estado, o adolescente se entregou e foi enviado para São Paulo e detido, em Cumbica.