Operação policial em Porto Rico prende 310 pessoas

  • Por Agencia EFE
  • 18/12/2014 20h29

San Juan, 18 dez (EFE).- Um total de 310 pessoas foram detidas nesta quinta-feira em Porto Rico durante a operação “Parrandón Policialesco”, informou em entrevista coletiva o chefe da Polícia da ilha, José Caldeirón.

A operação esteve a cargo da Superintendência Auxiliar de Investigação Criminal (SAIC). A fiança para os detidos soma US$ 52 milhões.

“Como parte do plano de trabalho da polícia para trazer paz e tranquilidade aos porto-riquenhos neste Natal, desde o início da madrugada centenas de agentes das diferentes divisões do SAIC estão realizando detenções desta operação”, indicou Caldeirón.

Foram apreendidas 26 armas de fogo e 11 veículos.

A delegacia de Drogas e Controle do Vício apreendeu 825 plantas de maconha.

Além disso, em Arecibo foi desarticulada uma quadrilhas dedicada ao furto de gado nos municípios de Hatillo e Camuy.

A secretária do Departamento de Agricultura, Myrna Comas, presente na entrevista coletiva, agradeceu a polícia e a Caldeirón pelo esforço em resolver os casos de roubo que afetaram a região. EFE