Outono começa hoje e exige uma atenção maior com a saúde

  • Por Jovem Pan
  • 20/03/2014 08h56
***FOTO EMBARGADA PARA VEÍCULOS DO RS E SC***PORTO ALEGRE, RS, 20.03.2014: CLIMA/RS - Após dois dias de intensos temporais, a chegada do Outono, com o afastamento de uma frente fria, deixa o tempo mais firme no Rio Grande do Sul nesta quinta-feira. À tarde, a chuva que atingiu as regiões Sul, Norte e Campanha no início da manhã deve dar lugar a uma forte nebulosidade. Na Capital a temperatura fica entre 19°C e 27°C (Foto: Diogo Zanatta/Ag. RBS/Folhapress)Chegada do outono no Rio Grande do Sul

O outono começa hoje, após verão atípico com sete das dez maiores temperaturas já obtidas desde 1933. O verão em São Paulo se despede com temperatura média de 35º C e o sistema Cantareira com o menor nível da capacidade total: 14,7%.

Segundo o meteorologista do Centro de Gerenciamento de Emergências, Tomás Garcia, o primeiro final de semana terá mudança no tempo. Em entrevista à repórter Renata Perobelli, o especialista destacou a transição de temperatura nos próximos dias em São Paulo. “Um frente fria já começa a mudar o tempo na primeria tarde de outono, trazendo chuva já na sexta-feira e queda de temperatura”, diz. “A temperatura deve ficar até mesmo abaixo dos 20 graus na noite de sábado.”

*Ouça os detalhes no áudio.

Como o tempo seco começou bem antes da chegada do outono, consultórios e prontos-socorros estão lotados desde janeiro. A constatação é do chefe do Grupo de Alergia e Otorrinolaringologia do Hospital das Clínicas, professor João Ferreira de Mello Junior. “Esses dois aspectos do ar muito seco e do ar muito poluído vão continar, então provavelmente as pessoas vão se manter ruim como estão atualmente”, afirma. 

O clínico-geral Alfredo Salim Helito, do Hospital Sírio-Libanês, orienta que as pessoas, durante o tempo seco, lavem as narinas com soro fisiológico. Porém, ele alertou para o perigo da automedicação. “Se automedicar nesse época é perigoso, principalmente em locais onde tenha muito mosquito, pois pode ser que tenha o da dengue e a pessoa não perceba”, diz.  

Salim recomendou ainda a lavagem de edredons, cobertores, malhas e moletons para evitar a ocorrência de alergias. Ele ressaltou ainda a importância da vacinação contra a gripe que começa no próximo mês.