Pai mata filho de dois anos a facadas depois discutir com esposa em São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 22/05/2014 11h07

Após discutir com a mulher, pai mata filho de dois anos a facadas e tenta suicídio na região de Guaianazes, na Zona Leste de São Paulo. A tragédia em família ocorreu na noite desta quarta-feira na residência número 19 da Rua Francisco Godinho, no bairro do Lageado.

O ajudante José Walter dos Santos, de 48 anos, chegou ao imóvel, mas não encontrou a mulher, Cristiana Aparecida Spina Ziakan, de 31 anos. Ele achou a dona de casa, que seria usuária de drogas e, segundo vizinhos, costuma deixar os cinco filhos sozinhos, bebendo com amigos.

Depois de discutir com a mulher, o ajudante voltou para casa, onde pegou uma faca e esfaqueou o filho José Murilo, de apenas dois anos. Santos ainda tentou agredir as outras crianças, mas não conseguiu e terminou por ferir a si próprio.

O menino foi levado para o pronto-socorro do Hospital Tide Setubal, em São Miguel Paulista, onde morreu. Já o pai, José Walter, foi socorrido por uma equipe do SAMU e está internado no Hospital Geral do Itaim Paulista.

*As informações são do repórter JOVEM PAN Paulo Edson Fiore