Papa diz que sistema econômico é causador da pobreza

  • Por Agencia EFE
  • 21/01/2015 09h48

Roma, 21 jan (EFE).- O papa Francisco afirmou nesta quarta-feira que a causa da pobreza não são as famílias, mas “um sistema econômico que fez com que o povo fosse guiado pelo Deus do dinheiro”.

“Sinto alegria ao ver tantas famílias que acolhem tantas crianças que são dons de Deus. Cada filho é uma bênção. Dizer que ter tantas crianças é a causa da pobreza me parece uma opinião simplista”, afirmou o pontífice argentino.

“A causa principal da pobreza não é essa, é um sistema econômico que fez com que o povo deixasse se guiar pelo Deus do dinheiro. Um sistema econômico excludente que desloca os idosos e jovens”.

Francisco fez esta reflexão durante a audiência geral que nesta quarta-feira foi realizada na Sala Paulo XVI do Vaticano.

Estas declarações ocorrem dois dias depois que o papa Francisco apelou, no voo de volta desde Filipinas a Roma, a uma “paternidade responsável” e destacou que para ser bom católico não se deve se comportar “como coelhos”.

O bispo de Roma destacou hoje a necessidade de “proteger as famílias porque estas são testemunho da beleza de Deus”, ao mesmo tempo que reconheceu que “a erradicação da pobreza é um elemento essencial” na atualidade. EFE

lsc/ff