Parentes de Bin Laden morrem em acidente com jato da Embraer na Inglaterra

  • Por Agência EFE
  • 01/08/2015 09h18
Parentes de bin Laden estão entre mortos em acidente aéreo em Hampshire

Parentes de Osama bin Laden, ex-líder da Al Qaeda, estão entre os mortos de um acidente aéreo ocorrido na sexta-feira, no sul da Inglaterra, envolvendo um jato da Embraer, confirmou neste sábado o embaixador da Arábia Saudita no Reino Unido.

Em mensagem publicada em árabe no Twitter, o príncipe Mohammed bin Nawaf al Saud transmitiu suas condolências à família Bin Laden e informou que as autoridades sauditas trabalham com as britânicas para repatriar os corpos.

“Sua Alteza Real, príncipe Mohammed bin Nawaf Al Saud prestou condolências à família e parentes de Mohammed bin Laden (pai de Osama) no aeroporto de Blackbushe, na Grã-Bretanha, pela grande perda que sofreram como resultado da queda de um avião que transportava a família”, disse o comunicado, segundo a emissora “BBC”.

Quatro pessoas – três passageiros e o piloto – morreram ontem no acidente de um jatinho particular na cidade de Yateley, no condado inglês de Hampshire, quando explodiu ao tentar aterrissar no aeroporto de Blackbushe.

Segundo as últimas informações, o pequeno avião, modelo Embraer Phenom 300, se chocou contra um depósito de veículos enquanto começava o pouso rumo ao aeroporto.

A aeronave, de propriedade saudita, procedia de Milão, segundo confirmou o próprio aeroporto italiano, e, de acordo com a “BBC”, pertencia a uma empresa de aviação da família Bin Laden, que possui um império empresarial na Arábia Saudita.

Três passageiros e o piloto perderam a vida na explosão do avião, mas não houve vítimas em terra, confirmou a polícia local.

As autoridades britânicas, em parceria com os sauditas, já investigam as causas exatas do acidente enquanto são tomadas medidas para repatriar os corpos ao país árabe.

A família de Osama bin Laden, assassinado pelos Estados Unidos em 2011 no Paquistão, é originalmente do Iêmen, mas o pai, Mohammed, se estabeleceu na Arábia Saudita no início do século XX e criou um império empresarial no setor da construção.

Segundo a “BBC”, Mohammed bin Laden teve muitas esposas e calcula-se que teve pelo menos 50 filhos, entre eles Osama bin Laden, deserdado após organizar os atentados terroristas de 11 de setembro de 2001 nos Estados Unidos.