Pelo menos 45 rebeldes morrem em confrontos contra forças do regime na Síria

  • Por Agencia EFE
  • 09/01/2014 20h25

Beirute, 9 jan (EFE).- Pelo menos 45 combatentes rebeldes morreram entre ontem e hoje em choques contra as forças do regime de Bashar al Assad na cidade de Homs, no centro da Síria, informou nesta quinta-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Os enfrentamentos ocorreram entre a última meia-noite e esta manhã nas zonas de Al Taminat e de Al Matahen, nos arredores do bairro de Al-Khalediya.

O grupo apontou que por enquanto não dispõe de dados de baixas nas fileiras governamentais.

Os choques se desencadearam depois que os insurgentes tentaram romper o cerco que os soldados do regime mantêm há mais de um ano e meio ao redor da parte antiga de Homs.

Segundo ativistas nessa cidade, citados pelo Observatório, mais de 60 combatentes da oposição participaram deste ataque.

A agência de notícias oficial síria “Sana” assinalou que o exército matou 37 “terroristas”, como o regime denomina os opositores, que tentaram infiltrar-se hoje em Homs.

Uma fonte militar disse à “Sana” que unidades das forças armadas abateram também supostos terroristas em outras partes da cidade. EFE