Polícia Civil estoura cativeiro e prende quadrilha de sequestradores

  • Por Jovem Pan
  • 09/04/2014 09h20

A Polícia Civil estourou um cativeiro, prendeu quadrilha de sequestradores e libertou três reféns na Zona Leste de São Paulo. As prisões foram feitas no final da tarde desta terça-feira por agentes do 50º Distrito Policial, do Itaim Paulista, após denúncia anônima.

No endereço fornecido, uma casa, em uma viela, na altura do número 950 da Avenida Córrego Tijuco Preto, os investigadores Ronaldo e Paulo foram recebidos a tiros. Um dos sequestradores acabou baleado e preso, mas um comparsa dele fugiu e três mulheres que estavam no imóvel também foram detidas.

As vítimas – um caminhoneiro, o ajudante dele e o dono da carga – não estavam amarradas ou amordaçadas e foram libertadas sem ferimentos. Eles haviam sido sequestrados no início da manhã, na Marginal do Tietê, junto ao acesso para a Avenida Governador Carvalho Pinto, região da Penha.

Dois homens, um deles armado com um fuzil, dominaram os três e os transferiram para uma van, na qual foram levados até o cativeiro. Um terceiro criminoso assumiu a direção do caminhão e seguiu para dar um destino a ele e às 12 toneladas e meia de arroz antes que a Polícia fosse comunicada.

No cativeiro, havia uma metralhadora Bereta, calibre ponto 40, e 39 munições de fuzil, mas, até agora, nem o veículo, nem a carga foram achados. Ferido na perna, o sequestrador Jonatham Viana Cavalcante, de 21 anos, foi medicado no Hospital Tide Setubal e, depois, encaminhado à delegacia.

As mulheres presas são Adriele Estefani do Vale e Andressa da Silva, ambas de 20 anos, e Caitiane Souza Rocha, de 27. Todos foram autuados em flagrante por sequestro e formação de quadrilha pelo delegado Matheus Cintra Andrade. Os policiais procuram agora pelos outros membros do bando.

*As informações são do repórter JOVEM PAN Paulo Edson Fiore