Polícia Civil prende quadrilha acusada de participação em assalto à fábrica da Samsung

  • Por Jovem Pan
  • 17/12/2014 09h42

Um operação da Polícia Civil prendeu uma quadrilha acusada de participação em mega assalto na fábrica da Samsung, em Campinas, interior de São Paulo. O crime ocorreu no dia 7 de julho e foram levados cerca de R$ 80 milhões em aparelhos eletrônicos como celulares, tablets e televisores.

Após o rastreamento da carga eletrônica, parte das mercadorias foi recuperada no Paraguai. Dezessete mandados de busca e apreensão foram expedidos em Campinas, Indaiatuba, Nova Odessa, Hortolândia, São Roque e Grande São Paulo.

Por meio de imagens do circuito interno, a Polícia conseguiu identificar nove criminosos envolvidos na ação. O delegado da DIG de Campinas, Carlos Henrique Fernandes, disse a Anderson Costa que os cinco suspeitos detidos participaram ativamente do roubo.

*Ouça os detalhes no áudio

De acordo com o delegado, a quadrilha que assaltou a Samsung é suspeita de ter cometido outros crimes de roubo de carga no Estado de São Paulo. O assessor de segurança da Associação Nacional dos Transportadores de Carga, Paulo Roberto de Souza, disse que a região de Campinas é a mais visada.

Ele lembra que, em 2013, os prejuízos com o roubo de carga superaram um bilhão de reais no país, sendo a maior parte em São Paulo. A quadrilha presa nesta terça-feira é suspeita de envolvimento em outros casos cometidos no Estado, segundo a Polícia Civil.