Polícia espera que novas vítimas reconheçam bandidos que simulavam conserto de TV a cabo

  • Por Jovem Pan
  • 01/08/2014 13h50

A polícia espera que novas vítimas reconheçam quadrilha que simulava conserto de TV a cabo, internet e telefonia para roubar casas e apartamentos na zona sul. O bando, que tinha preferência por jóias relógios e dinheiro, agiu em 15 residências dos bairros do Morumbi, Brooklin, Jardins e Moema.

Os assaltos aconteciam sempre na véspera da visita técnica, que havia sido agendada pela própria vítima, e os ladrões se apresentavam uniformizados. Delegada Maria Cecília Dias, que responde pelo 96º Distrito Policial em Cidade Monções, falou do envolvimento de empresas terceirizadas.

*Ouça os detalhes no áudio

Dois homens que aparecem em imagens dos circuitos de segurança dos edifícios estão presos por porte de arma. O advogado Arthur Rollo, especialista em Defesa do Consumidor, disse à repórter Renata Perobelli que as operadoras devem ressarcimento às vítimas.

Para se proteger do golpe, é recomendável desconfiar se alguém chegar para fazer o serviço solicitado antes do dia e do horário marcado. A polícia orienta também a exigir dos técnicos a ordem de serviço e a pedir às empresas os nomes dos funcionários que vão fazer o serviço.