AO VIVO: CPI da Covid-19 ouve empresário que aumentou em 1.105% a venda de ivermectina; siga

Jailton Batista é diretor-executivo da Vitamedic, que vendeu 297,5 milhões de comprimidos de medicamento comprovadamente ineficaz para o tratamento do coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 11/08/2021 10h20 - Atualizado em 11/08/2021 14h49
Jefferson Rudy/Agência SenadoSessão desta quarta-feira, 11, vai mirar na distribuição do 'kit-Covid'

A CPI da Covid-19 ouve, nesta quarta-feira, Jailton Batista, diretor-executivo da Vitamedic, fabricante de remédios do chamado “kit-Covid”, comprovadamente ineficazes para o tratamento contra o coronavírus. Alvo de um requerimento de informação, a empresa afirmou, em relatório enviado à comissão, que as vendas da ivermectina saltaram de 24,6 milhões de comprimidos em 2019 para 297,5 milhões em 2020 – um crescimento superior a 1.105%. O preço médio da caixa com 500 comprimidos subiu de R$ 73,87 para R$ 240,90 – um incremento de 226%. O requerimento de convocação, de autoria do relator do colegiado, Renan Calheiros (MDB-AL), mirava originalmente o empresário José Alves Filho, que já teve os sigilos telefônico, telemático, fiscal e bancário quebrado pelos senadores. No entanto, ele alegou que, como acionista da Vitamedic, só poderia responder sobre “investimentos fabris e novas aquisições”. A oitiva de Jailton, neste sentido, poderia esclarecer sobre “a administração das rotinas diárias” da empresa. Acompanhe abaixo a transmissão da sessão: