Após passar por exames, Bolsonaro deixa hospital em Brasília

Presidente foi hospitalizado na noite de segunda-feira após sentir desconforto abdominal e não compareceu à cerimônia de filiação de Tarcísio Gomes de Freitas e Damares Alves ao Republicanos

  • Por Jovem Pan
  • 29/03/2022 07h02 - Atualizado em 29/03/2022 07h12
Isac Nóbrega/PR - 23/02/2022 Presidente Jair Bolsonaro discursa em cerimônia Mandatário sentiu desconforto e foi hospitalizado no começo da noite de segunda-feira, 29

O presidente Jair Bolsonaro (PL) deixou o Hospital das Forças Armadas (HFA), localizado em Brasília, na manhã desta terça-feira, 29. O mandatário havia sido hospitalizado na noite de segunda-feira, 28, depois de ter sentido desconfortos. O chefe do Executivo federal era esperado na cerimônia de filiação dos ministros da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e da Família, Mulher e Direitos Humanos, Damares Alves, ao Republicanos, mas não compareceu. Segundo informações da repórter Iasmin Costa, da Jovem Pan, o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, discursou no evento, tranquilizou a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e afirmou que Bolsonaro seria submetido a “exames de rotina”.

Na noite de ontem, o senador e filho do presidente, Flávio Bolsonaro, utilizou as redes sociais para pedir apoio e oração ao seu pai e voltou a citar o atentado contra a vida de Bolsonaro cometido durante a campanha eleitoral de 2018. “As consequências da tentativa de homicídio por um ex-militante do psol continuam trazendo transtornos à saúde do meu pai. Mas o mal nunca venceu nem vai vencer o bem!”, disse Flávio em sua publicação no Twitter.