Bolsonaro diz esperar ‘bom senso’ do STF sobre marco temporal: ‘Vai acabar com o agronegócio’

Presidente disse que ‘teremos um problema seríssimo no país’ caso a Corte não mantenha o marco temporal

  • Por Jovem Pan
  • 02/09/2021 20h41
MATEUS BONOMI/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO AGF20210601093 - 01/06/2021 - 18:20Presidente Jair Bolsonaro falou sobre o marco temporal em sua live nesta quinta

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a dizer nesta quinta-feira, 2, durante sua live semanal, que espera que o Supremo Tribunal Federal (STF) não mude a interpretação do marco temporal para demarcação de terras indígenas. “Vai simplesmente acabar com o agronegócio do Brasil. Acaba o país. O que a gente espera do STF? Bom senso. Ou a gente vai entregar para o índio o Brasil”, afirmou. O marco temporal voltou a ser julgado pela Corte nesta quinta. Milhares de indígenas protestaram em Brasília contra a proposta, que prevê que eles só podem reivindicar a demarcação de terras que já ocupavam antes da Constituição de 1988. “O cara que está produzindo, ele sabe que se lá na frente reconsiderarem o que está sendo votado e mudarem o marco temporal, a fazenda dele não vai valer nada. Qual o estímulo que ele tem para investir hoje? O Brasil não pode continuar vivendo dessa forma. A gente espera que o STF mantenha o marco temporal como em 1988, caso contrário, teremos um problema seríssimo no Brasil”, declarou. 

Assista a live completa no programa “Os Pingos Nos Is” desta quinta-feira, 2: