Sem data definida, candidatos eleitos serão diplomados até 19 de dezembro

TSE é responsável pela diplomação do presidente eleito Lula e do vice-presidente eleito Geraldo Alckmin

  • Por Jovem Pan
  • 31/10/2022 18h49 - Atualizado em 31/10/2022 18h52
LR Moreira/Secom/TSE Tribunal Superior Eleitoral TSE informou que a diplomação dos candidatos eleitos deve ocorrer até 19 de dezembro

A diplomação dos candidatos eleitos nas eleições 2022 deve ocorrer até 19 de dezembro. Isso é o que prevê a legislação eleitoral e foi confirmada nesta segunda-feira, 31, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No entanto, a data ainda não foi definida. O TSE é responsável pela diplomação do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e do vice-presidente eleito Geraldo Alckmin (PSDB). Já os governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais serão diplomadas pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). Esse é um procedimento normal após as eleições, já que o diploma oficializa a vitória do candidato e autoriza a posse ao cargo. Inclusive, o novo presidente e os governadores tomarão posse em 1º de janeiro. Um mês depois, em 1º de fevereiro, é a posse dos parlamentares.

Comentários

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.