FHC sai em defesa de Doria e diz que prévias do PSDB devem ser respeitadas

Ex-presidente afirmou que o tucano ‘agiu bem’; Doria enviou carta ao presidente do partido e disse ser vítima de ‘tentativas de golpe’

  • Por Jovem Pan
  • 15/05/2022 13h48
Agência Brasil fhc Ex-presidente defendeu João Doria

Em meio à crise no PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso saiu em defesa de João Doria e afirmou que as prévias do partido devem ser respeitadas. “Agiu bem o candidato João Doria. Ressaltando que o resultado das prévias deve ser respeitado”, escreveu no Twitter. A manifestação de FHC ocorreu após o ex-governador de São Paulo enviar uma carta ao presidente do PSDB, Bruno Araújo, em que afirmou ser alvo de “tentativas de golpe”. Doria reafirmou que não vai abrir mão da disputa pelo Planalto e indicou que poderá judicializar a questão caso a sigla faça alguma mudança. Aliados afirmam que membros da legenda tentam desidratar a candidatura com um discurso de que o ex-governador paulista teria grande rejeição e que a senadora Simone Tebet (MDB) seria uma alternativa melhor. Após a manifestação do presidenciável, Bruno Araújo convocou uma reunião da Executiva Nacional do PSDB para a próxima terça-feira, 17, um dia antes da data marcada para divulgação da prometida candidatura única com MDB e Cidadania. Nesta semana, as siglas definiram que o nome será escolhido com base em pesquisas quantitativa e qualitativa, que, além de apontar as intenções de voto, mede a rejeição aos postulantes. Aliados de Doria, porém, acompanham os desdobramentos com preocupação e afirmam que os critérios estabelecidos tendem a beneficiar apenas a emedebista.