Preço da laranja cai 30% e agricultores reclamam de perdas; entenda

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2014 09h06

O impasse entre produtores e indústria de suco derruba o preço da laranja em 30% e agricultores reclamam de perdas nas lavouras. Uma decisão do TRT de Campinas deu a responsabilidade da mão de obra da colheita para as empresas e isso acabou emperrando as negociações.

Os produtores se viram obrigados a vender o produto in natura, o que provocou queda nos preços, segundo o Cepea da USP. O diretor da Associação dos Exportadores de Sucos Cítricos, Ibiapaba Netto, disse que as negociações estão no prazo, mas aponta insegurança jurídica.

*Ouça os detalhes no áudio

Netto acrescentou que a negociação é feita diretamente entre os produtores e as indústrias de suco. O presidente da Associação Brasileira dos Citricultores, Flávio Viegas, disse a Anderson Costa que o mercado interno não absorve toda a produção.

A pesquisadora da área de hortifruti do Cpea de consultoria ambiental lembra que a indústria é quem dita o preço da laranja. Em entrevista a Thiago Uberreich, Maíra Vieira avaliou que ainda é cedo para fazer projeção sobre o mercado.

O levantamento do Instituto de Economia Agrícola aponta que a safra de laranja neste ano deve subir 1,7% na comparação com 2013. O estoque de suco deve ter redução até o fim de junho, mas nem isso elevou o interesse da indústria.