Prefeitura de SP cria Bilhete Único de 90 dias para desempregados

  • Por Agência Estado
  • 10/11/2015 15h03
Câmeras monitorarão possíveis fraudes do uso do bilhete único na máquina validadoraCâmeras monitorarão possíveis fraudes do uso do bilhete único na máquina validadora

A Prefeitura de São Paulo criou nesta terça-feira,10, o Bilhete Único Especial do Trabalhador Desempregado, mesmo benefício que o governo do Estado concede desde 2003 no Metrô, na Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e na Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) aos passageiros sem emprego. A medida do poder municipal vale dentro do sistema municipal de ônibus. O decreto foi publicado no Diário Oficial da Cidade.

Segundo o texto, o benefício vale por três meses e deve ser solicitado junto à Secretaria Municipal de Transportes por quem comprovar que está desempregado. Ainda de acordo com o decreto, não há como renovar o cartão. O bilhete será cancelado em duas hipóteses: admissão em um novo emprego e constatação de fraude.

A São Paulo Transportes (SPTrans) ainda precisa regulamentar o benefício. O órgão foi procurado pela reportagem para explicar onde o desempregado pode emitir o benefício, quantos passageiros deve atender e que documentos precisa levar, mas até às 10h20, não tinha respondido aos questionamentos.