Prefeitura de SP quer incentivar reciclagem do lixo orgânico em casa

  • Por Jovem Pan
  • 17/06/2014 09h03

A prefeitura quer incentivar paulistanos a reciclar o lixo orgânico dentro de casa para reduzir volume de materiais enviados aos aterros sanitários. Por meio da compostagem doméstica e da coleta seletiva, a meta é diminuir em até 80% a quantidade de lixo em um prazo de 20 anos.

Serão distribuídas 2 mil composteiras, em regime de teste, a fim de dar um destino a restos de comida, além de gerar adubo para hortas e jardins. O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, explicou ao repórter Anderson Costa que a população precisa ser educada para reciclar o lixo.

*Ouça os detalhes no áudio

O presidente da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana ressaltou que as famílias que receberão as composteiras serão orientadas. Silvano Silvério salientou que os resíduos orgânicos correspondem a quase 50% do lixo gerado nos domicílios paulistanos.

A prefeitura pode incluir as escolas municipais no projeto de compostagem devido à grande quantidade de alimentos consumidos pelos alunos. A meta da gestão Haddad é aumentar de 2% para 10% a coleta de lixo reciclado na capital paulista até 2016.