Presa quadrilha especializada em “saidinha de banco” em São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 09/01/2014 09h26

O grupo especializado em “saidinha de banco” foi capturado pela polícia. Eles já  eram investigados há quatro meses, desde quando tentaram roubar um policial militar em uma agência na avenida Ibirapuera, em Moema.

Os ladrões trocaram tiros com a vítima, que estava em um carro blindado e fugiu. Após o fato, a polícia identificou as placas de uma motocicleta usada no crime. O dono do veículo disse apenas que havia sido furtado na avenida Rebouças, mas não forneceu mais detalhes.

Até por isso ele passou a ser investigado e através de escutas telefônicas foi identificado como integrante da quadrilha. Em uma escuta telefônica, a polícia flagrou o exato momento em que os bandidos perseguiam uma vítima no bairro de Moema.

O olheiro da quadrilha fornece a dica ao comparsa de moto para abordar a pessoa que saída do banco. A polícia identificou vinte vítimas do grupo criminoso que atuava em Moema, Campo Belo, Brooklin e na Região Central da cidade. Dos seis integrantes do bando identificados, cinco já estão presos e um, apesar da prisão decretada, permanece foragido.