Primeira-ministra britânica convoca reunião de emergência sobre atentado

  • Por Jovem Pan com Agência EFE
  • 22/03/2017 14h27
Theresa May - EFE

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, presidirá nesta quarta-feira uma reunião do comitê de emergência Cobra, integrado pelos principais ministros do país, que terá como pauta o atentado terrorista realizado perto do Parlamento britânico, informou um porta-voz oficial.

May tinha participado da sessão semanal de perguntas ao governo na Câmara dos Comuns antes do ataque, no qual uma mulher morreu e várias pessoas ficaram feridas.

O ataque

Duas pessoas morreram e ao menos dez pessoas ficaram feridas na tarde desta quarta-feira (22) em ataques nas proximidades da Casa dos Comuns, o Parlamento britânico, em Londres. As mortes foram confirmadas primeiro pelas redes britânicas BBC e Sky News.

O incidente, ainda com informações desencontradas, ocorreu depois da sessão semanal de perguntas à primeira-ministra britânica, Theresa May, na Câmara. Além do ataque ao policial, que teria resultado em um tiroteio, pessoas foram vistas feridas na famosa ponte de Westminster. Um atropelamento teria atingido ao menos dez pessoas.

Um policial foi esfaqueado na área do Parlamento britânico e o responsável pelo ataque “foi atingido” pelas forças da ordem, disse o líder da Câmara dos Comuns, o deputado conservador David Lidington.

Carro atropela vários pedestres na ponte de Westminster

Ao menos dez pessoas ficaram feridas no incidente da ponte, segundo testemunhas. Várias ambulâncias e paramédicos estão no local para atender as vítimas.

Segundo a imprensa local, um Hyundai cinza atropelou várias pessoas na ponte antes de seguir até o edifício do parlamento. Após jogar o veículo contra as grades que cercam o prédio, o motorista saiu do carro, esfaqueou um policial e, quando tentava atacar outro agente, foi baleado por outros membros das forças de segurança.