Programa da ONU distribui alimentos para 267 mil pessoas no Nepal

  • Por Agencia EFE
  • 14/05/2015 15h25

Katmandu, 6 mai (EFE).- O Programa Mundial de Alimentos (PMA) da ONU afirmou nesta quarta-feira que distribuiu comida para 267 mil das 1,4 milhão de pessoas necessitadas após o terremoto que devastou o Nepal.

Entre os produtos distribuídos há arroz, elemento essencial da alimentação nepalesa, e biscoitos reforçados com nutrientes, indicou à Agência Efe Zoie Jones, do PMA, no centro logístico montado pela agência das Nações Unidas no aeroporto de Katmandu.

Milhares de toneladas de alimentos e de produtos dos vários órgãos ligados à ONU estão sendo direcionados para distribuição a partir dos armazéns construídos no local há menos de um mês, estruturas que economizaram dias no transporte dos mesmos.

“Sabíamos que um terremoto podia ocorrer”, disse Zoe, explicando que a PMA está levando os alimentos principalmente a duas regiões – Gorkha, no nordeste, e Sindhupalchok, no norte de Katmandu – através de helicópteros, animais de carga ou qualquer outro meio disponível.

O órgão tem como objetivo atender todas as pessoas que precisam de alimentos após o terremoto no Nepal, com custo estimado de US$ 116 milhões só para a compra dos produtos. Para a operação total, envolvendo gastos com comunicações, transporte e logística, serão necessários US$ 150 milhões.

Segundo o último balanço oficial, o terremoto causou pelo menos 7.557 mortes, deixou 14.404 feridos e obrigou 2,8 milhões de pessoas a deixarem suas casas no Nepal. Mais de 200 mil imóveis foram destruídos e outros 190 mil danificados. EFE

jlp/lvl