Projeto Alerta contra a Dengue: é melhor prevenir

  • Por Jovem Pan
  • 23/12/2015 19h15

Número de casos teve alta de 57%

Sobe número de casos de dengue

O mosquito Aedes Aegypti, nome que significa “odioso do Egito”, é considerado uma das espécies mais difundidas no planeta. Não há registro no mundo que relate algo semelhante com o que vivemos: em um mesmo período, zika, dengue e chikungunya aterrorizam a população brasileira. 

É tão intrigante quanto preocupante a eficiência da evolução desse mosquito tão temido. Um exemplo são os ovos, que ficaram ultra resistentes com o tempo. Sobrevivem por até um ano e meio depois de colocados. Segundo dados do Governo Federal, somente em 2014 foram registrados mais de 580 mil casos de dengue no país.

A Jovem Pan criou, então, o “Alerta contra a dengue”. Confira abaixo algumas dicas de como evitar a proliferação do mosquito.

1. Não acumule materiais descartáveis desnecessários e sem uso. Se forem destinados à reciclagem, guarde-os sempre em local coberto e abrigados da chuva.

2. Trate adequadamente a piscina com cloro. Se ela não estiver em uso, esvazie-a completamente, não deixando poças d’água. Se tiver lagos, cascatas ou espelhos d’água, mantenha-os limpos ou crie peixes que se
alimentem de larvas.

3. Entregue pneus velhos ao serviço de limpeza urbana. Caso precise deles, guarde-os, sem água, em locais cobertos.

4. Verifique se todos os ralos da casa não estão entupidos. Limpe-os pelo menos uma vez por semana e, se não os estiver usando, deixe-os fechados.

5. Guarde as garrafas, baldes ou latas vazias de cabeça para baixo.

6. Lave com escova e sabão as vasilhas de água e de comida de seus animais pelo menos uma vez por semana.

7. Retire a água da bandeja externa da geladeira pelo menos uma vez por semana. Lave a bandeja com sabão.

8. Não deixe acumular água na parte debaixo das torneiras de bebedouros e filtros de água.