PSDB pede apuração de denúncia de suborno a funcionários da Petrobras

  • Por Agencia EFE
  • 14/02/2014 18h42

Rio de Janeiro, 14 fev (EFE).- O PSDB pediu nesta sexta-feira à Procuradoria Geral da República (PGR) que abra uma investigação para esclarecer denúncias de corrupção contra a Petrobras na Holanda.

O pedido formal foi realizado pelos líderes do PSDB na Câmara dos Deputados com base em denúncias da imprensa sobre supostos subornos pagos na Holanda a dirigentes da Petrobras.

Segundo as denúncias, altos funcionários da petrolífera receberam subornos em troca de contratos concedidos à SBM Offshore, uma empresa holandesa que aluga plataformas petrolíferas para a exploração em águas profundas.

As denúncias, publicadas pelo jornal “Valor Econômico”, citam o testemunho de um ex-funcionário da SBM Offshore à procuradoria holandesa sobre práticas de corrupção da empresa.

O denunciante assegura que a empresa pagou cerca de US$ 250 milhões em subornos a autoridades de diferentes países e a altos funcionários de algumas empresas, entre elas a Petrobras.

De acordo com o “Valor”, a empresa holandesa é investigada na Holanda, Inglaterra e Reino Unido pelo suposto pagamento de subornos a empresas de seis países, incluindo o Brasil.

“É uma denúncia que, além da sua gravidade, tem extensão muito grande, porque envolve a principal empresa do nosso país. Já há investigação em curso em outros países com os quais a SBM teve contrato, e é necessário que a Justiça brasileira também apure se houve pagamento de suborno à Petrobras”, afirmou o porta-voz do PSDB na Câmara, deputado Antonio Imbassahy (BA).

Em comunicado, a Petrobras informou que até agora não foi notificada por nenhuma autoridade sobre as denúncias, mas que adotou as “providências internas cabíveis com o intuito de averiguar a veracidade dos fatos publicados”. EFE