Raúl Castro exige fim do bloqueio dos EUA a Cuba sem concessões

  • Por Agencia EFE
  • 28/01/2015 17h11

Belém (Costa Rica), 28 jan (EFE).- O presidente de Cuba, Raúl Castro, exigiu nesta quarta-feira que os Estados Unidos acabem com seu bloqueio econômico à ilha e advertiu que Havana não vai fazer concessão política alguma no processo de normalização de relações com Washington.

“Os EUA admitiram o fracasso de sua política em relação a Cuba” e a decisão de seu presidente, Barack Obama, de normalizar as relações com Havana, é um “triunfo” do povo cubano, assegurou Castro na 3ª Cúpula da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (CELAC), realizada em Costa Rica.

Castro assegurou ainda que Cuba não vai renunciar a nenhum dos princípios de seu regime revolucionário. EFE