Religioso espanhol infectado com ebola é tratado com soro utilizado nos EUA

  • Por Agencia EFE
  • 09/08/2014 16h22

Madri, 9 ago (EFE).- O sacerdote espanhol infectado com o ebola e internado em um hospital de Madri está sendo tratado com o soro experimental ZMapp, que está sendo utilizado com outros pacientes também nos Estados Unidos.

O ZMapp foi importado de Genebra, na Suíça, com autorização do Ministério da Saúde da Espanha, para que fosse administrado em Miguel Pajares, de 75 anos, que na quinta-feira foi trazido da Libéria.

Assim, os médicos utilizam no hospital Carlos III o mesmo soro que recebem os religiosos americanos Nancy Writebol e Kent Brantly, que também estavam na Libéria. Ambos apresentaram melhora depois do início do uso do ZMapp.

Familiares de Pajares já divulgaram notícias “tranquilizadoras”. O irmão do sacerdote, Emilio, garantiu que não há mais ocorrência de febre, nem de hemorragias. EFE