Remoção de carga de 565 t que interdita avenida pode levar de 10 horas a dois dias

  • Por Jovem Pan
  • 26/05/2015 09h41

Batida em dois imóveis interrompeu queda de carga avenida abaixo

Carreta com 565 toneladas de carga desengata e interdita avenida em SP

O sentido Diadema da Avenida Cupecê, na zona sul de São Paulo, seguia bloqueado às 9h desta terça (26), sem previsão de liberação, após um transformador de grande porte desengatar de cinco carretas que a transportavam e atingir dois imóveis. Não houve feridos. A CET montou uma faixa reversível na pista sentido Centro. A recomendação é de que o motorista evite a região.

Estimativas de equipes de Defesa Civil, da Polícia e da própria empresa responsável pela carga vão de 10 horas a dois dias de trabalhos de remoção do material de 565 toneladas que se espalhou pela via pública.

Já houve liberação policial para que a transportadora Cruz de Malta comece os trabalhos. Esperava-se a chegada de guindaste e caminhões, além do conserto dos eixos do pesado equipamento solto no local.

O acidente ocorreu por volta das 3h da madrugada desta terça-feira. A carga era transportada desde Jundiaí há oito dias e tinha como destino o porto de Santos.

Testemunha

O porteiro João Bastita Ferreira, que testemunhou o acidente, conta como parte da carreta desengatou, a solda quebrou e a carga começou a descer a rua, atingindo dois imóveis.

A rua da zona sul tem um aclive e o veículo estava com dificuldades para subi-la, conta Ferreira. “(A carreta) estava tentando subir, não subia mais do que isso não, daí desengatou sozinho.”

O choque com o imóvel impediu que a carga descesse a ladeira da Av. Cupecê e talvez causasse um acidente maior.

A ocorrência sobre foi registrada no 99º Distrito Policial, do Jardim Miriam.

Informações do repórter Jovem Pan Tiago Muniz