Rio Tamisa atinge nível mais alto em décadas por temporal

  • Por Agencia EFE
  • 10/02/2014 09h22

Londres, 10 fev (EFE).- O nível das águas do rio Tamisa está em seu nível mais alto desde os anos 80, quando foram instalados medidores, devido à intensidade das chuvas das últimas semanas na Inglaterra, informou nesta segunda-feira a Agência Ambiental britânica.

O órgão mantém quatorze alertas “graves” -com risco para a vida- de inundações em várias áreas por onde passa o Tamisa, entre elas Berkshire e Surrey, no sul da Inglaterra.

A polícia afirmou que 2.500 casas no condado de Surrey estão em perigo por possíveis inundações, enquanto aumenta a polêmica pelas críticas da população contra o governo pela falta de medidas de prevenção.

“O Tamisa é um rio grande e sofre com as chuvas de várias semanas. Estamos vendo que o Tamisa continua subindo e seguirá aumentando nos próximos dias e temos previsão de mais chuvas na terça-feira e na quarta-feira”, disse hoje um porta-voz da agência.

A esta situação se acrescenta as devastadoras inundações no condado de Somerset (no sudoeste da Inglaterra), a zona mais castigada pelo temporal que atinge o país há várias semanas e que não parece que vá diminuir nos próximos dias.

Embora o Serviço Meteorológico tenha previsto para hoje um dia seco, esperam-se mais chuvas e ventos a partir de amanhã, terça-feira pela noite e no resto da semana.

A situação provocou no Reino Unido uma polêmica devido às críticas contra o governo, acusado de não ter tomado a tempo medidas suficiente para evitar que ocorressem as inundações, que afetaram milhares de famílias.

Espera-se que o primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, visite hoje as zonas do sudoeste da Inglaterra castigadas pelo forte temporal, segundo a “BBC”. EFE