Sarkozy classifica acusações de corrupção de “grotescas”

  • Por Agencia EFE
  • 02/07/2014 15h56

Paris, 2 jul (EFE).- O ex-presidente francês Nicolas Sarkozy qualificou nesta quarta-feira de “grotescas” as acusações de corrupção ativa, tráfico de influência e encobrimento da violação do segredo profissional que podem condená-lo à prisão.

Em entrevista concedida ao canal “TF1” e à emissora “Europe 1”, o chefe de Estado da França entre 2007 e 2012 questionou o tratamento judicial que recebeu e a imparcialidade do juiz escolhido. EFE