Sequestradores ameaçam explodir avião líbio desviado para Malta

  • Por Estadão Conteúdo
  • 23/12/2016 10h49
Avião sequestro Malta Líbia

Dois sequestradores desviaram um avião que realizava um voo comercial na Líbia para Malta, nesta sexta-feira, e ameaçavam explodir a aeronave com granadas de mão, segundo autoridades locais e a imprensa estatal. A autoridade aeroportuária de Malta disse que equipes de emergência foram enviadas ao local após uma “interferência ilegal” na pista do aeroporto.

Os motores do avião ainda estão ligados na pista, após a aeronave pousar às 11h32 (hora local). A televisão estatal TVM disse que os dois sequestradores a bordo tinham granadas e ameaçavam detoná-las. Todos os voos para o Aeroporto Internacional de Malta foram desviados.

Autoridades do aeroporto disseram que o Airbus A320 da Afriqiyah Airways partiu de Sabha e tinha como destino Trípoli. Ele tinha 118 pessoas a bordo. O premiê de Malta, Joseph Muskat, afirmou que havia 111 passageiros a bordo, 82 homens, 28 mulheres e uma criança.

Um comunicado do governo de Malta disse que o Comitê Nacional de Segurança coordena a resposta oficial ao caso. O escritório do premiê confirmou que uma equipe de negociação está a postos à espera de instruções do primeiro-ministro, que está reunido com o Comitê Nacional de Segurança.