Setor automotivo espera um 2015 melhor que 2014

  • Por Jovem Pan
  • 15/10/2014 09h54

O setor automotivo ignora incertezas na disputa eleitoral para a Presidência da República e aposta que 2015 será um ano melhor. As montadoras comemoram um crescimento na média de produção de 4,7% do primeiro para o segundo semestre.

A Associação de Fabricantes de Veículos explicou o mau resultado da primeira metade do ano pela diminuição de dias úteis, devido à Copa do Mundo. O presidente da Anfavea, Luiz Moan, disse ao repórter Victor La Regina que a previsão para 2015 é realista, mas adota cautela ao falar sobre cenário externo.

*Ouça os detalhes no áudio

Um estudo da Anfavea apontou que o Brasil tem um potencial para dobrar a venda de veículos para quase 7 milhões em um período de 20 anos. O presidente da fabricante de caminhões MAN Latin America, Roberto Côrtes, afirmou que a necessidade da renovação de frota traz boas perspectivas.

Côrtes avaliou que a venda de caminhões no Brasil é como termômetro da atual situação econômica. Durante congresso de perspectivas para o setor, empresários apontaram que o desempenho em 2015 passa pelo maior crescimento da economia.