SSP vai adotar procedimento de investigação para reduzir mortes cometidas por policiais

  • Por Jovem Pan
  • 17/03/2015 16h05
Polícia Militar se prepara para fazer segurança nos arredores do estádio Mané Garrincha para Brasil x HolandaPolícia Militar se prepara para fazer segurança nos arredores do estádio Mané Garrincha

O secretário de Segurança Pública do Estado de SP, vai adotar um novo procedimento de investigação para reduzir as mortes cometidas por policiais militares. De acordo com Alexandre de Moraes, a mudança valerá também se o policial for vítima de criminosos.

“Esse mesmo procedimento, relacionado à morte de policiais, será realizado para mostrar absoluta transparência quando a morte for praticada por policial no exercício da sua atividade”, disse o secretário.

Com relação às mortes causadas em conflito policial praticadas por policiais no exercício da função, Alexandre de Moraes disse que “imediatamente chegará a um delegado de polícia, o comandante do Batalhão da área, as corregedorias e oficiaremos por telefone ao Ministério Público, para que, se necessário, envie um promotor de Justiça”.

A norma vai obrigar a presença na cena do crime de representantes das polícias Militar, Civil e Científica. De acordo com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, entre 2009 e 2013, a polícia paulista foi a segunda mais letal do país, atrás do Rio de Janeiro.

O secretário pretende publicar a nova resolução na próxima sexta-feira. A aplicação deve começar já na semana que vem e promete, portanto, reduzir a letalidade.