Vendas pela internet cresceram 25% em 2013 e devem aumentar

  • Por Jovem Pan
  • 11/01/2014 09h47

As vendas pela internet cresceram 25% no ano passado e devem aumentar mais 20% em 2014, revela pesquisa da consultoria E-bit. Os 50 milhões de internautas que costumam se valer do e-commerce gastaram R$ 28,5 bilhões em 2013.

O volume robusto do crescimento é reflexo do aumento no número de internautas no Brasil. Os especialistas apostam no ingresso de mais 20 milhões de pessoas no mercado virtual, garantindo o ritmo de crescimento pelo menos até 2016.

O economista-chefe da Associação Comercial de São Paulo, Marcel Solimeo, avalia que grandes redes varejistas olham com atenção para o potencial do e-commerce. Ele explica a Carlos Aros que o rápido crescimento e a facilidade de poder utilizar estrutura já existente é grande atrativo para essas empresas.

Com mais opções de lojas online e um número cada vez maior de consumidores, crescem também os riscos de comprar pela internet. A coordenadora da Proteste, Maria Inês Dolci, destaca que os consumidores têm de conhecer as regras do comércio eletrônico.

A projeção da E-bit é de que nos próximos dois ou três anos serão 150 milhões de pessoas conectadas à internet comprando online. De olho nesse cenário, as lojas vão investir cada vez mais no comércio on-line e os consumidores devem ser cautelosos para não comprar gato por lebre.