Alexandre Schwartsman é absolvido de processo de difamação feito pelo BC

  • Por Jovem Pan
  • 09/09/2014 15h28

Schwartsman foi Diretor de Assuntos Internacionais do Banco Central de 2003 a 2006. DepoisAlexandre Schwartsman

Joseval Peixoto comentou a ação judicial que o Banco Central promoveu contra o economista Alexandre Schwartsman por difamação, devido a opiniões proferidas em entrevista. Processo do qual foi absolvido em primeira instância. O BC já anunciou que não vai renunciar.

Schwartsman , que já foi diretor do próprio banco, chamou o BC de “subserviente”, sua gestão de “temerária” e que faz um “trabalho porco”, em entrevista ao Brasil Econômico.

Economistas de várias escolas estão assinando um abaixo-assinado para protestar contra a atuação do Canco Central.

Na Constituição brasileira, está escrito no Capítulo V, Artigo 220: “A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo, não sofrerão qualquer restrição”.

Para o jornalista tem mais: “Nenhuma lei conterá dispositivo que possa constituir embaraço à plena liberdade de informação jornalística em qualquer veículo de comunicação social”, e faz algumas restrições sobre o anonimato, o direito de resposta, a proteção da honra e o soigilo da fonte, que é também um direito do jornalista.