Atual Ministro da Saúde é um homem apaixonado; entenda

  • Por Jovem Pan
  • 10/03/2014 12h05
Alexandre Padilha e Arthur Chioro na transmissão do cargo de ministro da Saúde

Reinaldo, quer dizer que o ministro da Saúde é um homem apaixonado?

Se é, nunca se viu nada igual na Esplanada dos Ministérios. Olá amigos e ouvintes da Jovem Pan. O ministro da Saúde, Arthur Chioro, gosta tanto da mulher, mas tanto, que decidiu levá-la para o trabalho num avião da FAB. Uma cena verdadeiramente comovente.

Roseli Régis dos Reis, esse é o nome dela, era também sua sócia numa empresa de consultoria da área de saúde, de que ele era o chefe até ser nomeado para o ministério. Aí transferiu suas cotas para o nome dela. Nota, enquanto era secretário da Saúde de São Bernardo ele exerceu a dupla militância sem problema.

Mas voltemos à questão. Durante o Carnaval o ministro decidiu sair de Brasília num jato da FAB e fazer escalas em São Paulo, Salvador, Recife e Rio. Oficialmente ele estava num trabalho de promoção do uso da camisinha. Entendi, se não é o ministro é capaz de a brasileirada usar a camisinha como se fosse balão de festa de aniversário, aquilo que em São Paulo a gente chama bexiga. Ainda bem que existem petistas para dizer o que a gente deve fazer com uma camisinha. Parece piada.

O ministro levou a própria mulher nos quatro dias de trabalho. Vejam bem, Chioro poderia ter promovido o uso de preservativos em Quirombeira do Mato Dentro, em Despinhadeiro da Serra, em Matagal do Vale da Noca, mas ele, que não é bobo nem nada, resolveu ser professor de camisinha em São Paulo, Recife, Salvador e claro, Rio de Janeiro.

Como vocês nunca ouviram falar dos municípios que citei? Nem eu. Ocorre que em algum lugar do Brasil deve haver gente que precise das aulas do ministro. Nas três maiores capitais do Brasil, mais Recife, é que não. Além de homem apaixonado ele também não quer cair em tentação, sabem como é o Carnaval.

Indagado sobre a presença da mulher respondeu: “fiz questão de ter minha esposa ao meu lado para evitar qualquer situação de exposição indevida”. Ah, entendi, o marido leva a guarda-costas do lado para evitar o assédio. Que homem prudente. Como ninguém é de ferro, na Bahia ele esteve no camarote de Gilberto Gil e do governador Jaques Vagner, do PT, no Rio desfilou em um bloco.

Os três partidos de oposição, PSDB, DEM e PPS, decidiram entrar com uma representação na Procuradoria Geral da República para que se apurem as circunstâncias do uso do jato da FAB. Imagine se a moda pega, cada ministro pede um jato para ver se as ações de sua pasta estão sendo devidamente cumpridas durante o Carnaval.

A desculpa de Chioro vale uma nota de três reais. Se os ouvintes entrarem na página de comentários da Jovem Pan encontrarão lá o que afirmei sobre este senhor em quatro de Fevereiro. Ele havia tomado posse no dia anterior e no discurso inaugural já fez chicana eleitoral, Dilma nem sabia quem era ele.

Só é ministro porque Luís Marinho prefeito de São Bernardo e um dos braços de Lula, assim desejou. De resto é um adversário feroz das comunidades terapêuticas, um dos aspectos principais do programa federal de combate ao crack. Vale dizer, Dilma escolheu para o ministério alguém contrário a um programa de Dilma. O resultado será programa nenhum, mas no jatinho da FAB em companhia da mulher, para não cair em tentação.