Bruno Garschagen: Bolsonaro faz confusão com e é cobrado por isso

  • Por Jovem Pan
  • 07/08/2019 08h02 - Atualizado em 08/08/2019 19h24
Marcos Corrêa/PROs recursos constam de projeto de lei publicado em edição extra do Diário Oficial da União nesta terça-feira

Mesmo com forte apoio no Congresso para reforma da Previdência, o Governo Federal liberou mais R$ 2 bilhões em emendas parlamentares. Os recursos constam de projeto de lei publicado em edição extra do Diário Oficial da União nesta terça-feira (6).

“Esse tipo de liberação é um instrumento legal, não há problema no instrumento em si. O problema é a forma que esses instrumentos, como a liberação de emendas, são utilizados. Se eles são utilizados de uma forma corrupta, antiética, isso deve ser condenado. O grande problema do uso desses instrumentos para conseguir apoio ou ratificar, é que o próprio presidente Bolsonaro fez confusão entre instrumento e a forma de usá-lo e, agora, está sendo cobrado por isso.”