Cinco cervejas que valem a pena experimentar

  • Por Jovem Pan
  • 01/08/2016 17h19
Baden Baden 5 Grãos

Como faz um tempo que não falamos de cervejas resolvi fazer uma seleção de cinco rótulos que andei provando nas ultimas semanas e recomendo pra vocês.

A primeira é uma cerveja de Campos do Jordão interior de São Paulo, a Baden Baden 5 Grãos que chega ao mercado agora no mês de agosto. Além da tradicional cevada a cerveja ainda leva em sua composição, Amaranto, Aveia, Quinoa e Trigo. Para quem gosta de harmonizar cerveja com pratos a dica é a 5 grãos com lombo assado, embutidos em geral e queijo Gruyére.

Produzida pela Kasteel na cidade de de Werken, Bélgica a Barista Chocolate Quad foi criada como cerveja sazonal mas como fez muito sucesso acabou sendo produzida o ano todo. O nome Barista Chocolate veio por conta dos seus sabores e aromas lembrarem bebidas quentes como café e chocolate. Ela é uma Belgian Style Quadrupel com 11% de teor alcóolico perfeita para um dia mais frio.

A Dadiva Golden Stout como diz o nome é uma cerveja do estilo Stout só que com a cor dourada que não é muito comum neste estilo. Para fazer esta cerveja foi utilizado o o método de Cold Brew que é o de coar o café a frio resultando em processo bem lento de extração com menos acidez do que a quente. Ao ser adicionado a cerveja ele dá aquelas notas de tosta bem comuns ao estilo. Esta cerveja tem 6,7 de teor alcoolico.

Para quem gosta de whisky não deixe de experimentar a edição limitada da Cervejaria Lund de Ribeirão Preto. A Lund Munich Holz com 7% de teor alcoolico passa 90 dias em barris de carvalho que foram utilizados na produção de whiksy.

A última dica é a Vó Maria In Concert  India Pale Lager que vem numa lata de 473 ml  bem legal e utiliza três tipos de lúpulo, o Citra, Crystal e Equinox para dar um amargor bem equilibrado