Com Temer fora, novo presidente deve vir do Congresso

  • Por Jovem Pan
  • 26/05/2017 09h38

Presidente Michel Temer Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil ABR - Presidente Michel Temer

Na hipótese de Michel Temer cair, são remotíssimas as chances de que o próximo presidente não seja algum integrante do Congresso.

O ouvinte não se iluda a esse respeito. A eleição será indireta, conforme expresso a Constituição, e o colégio eleitoral, bicameral, formado por deputados e senadores.

O escolhido será, portanto, um deles, alguém do establishment político, provavelmente do PSDB ou do PMDB.

Para além disso, mas sem configurar surpresa, Rodrigo Maia, do DEM, poderia correr e atropelar por fora. Atual presidente da Câmara e popular entre o chamado “baixo claro” parlamentar, ele, na condição de primeiro na linha de sucessão, estar à frente da Presidência da República quando da eleição, uma posição, claro, privilegiada.

Sem chances, ao PT e suas linhas auxiliares, basta tentar o golpe das eleições diretas. Caetano Veloso apoia.