10% a 15% de todos os casos de câncer de pulmão nos EUA são de pessoas que nunca fumaram

  • Por Jovem Pan
  • 30/08/2017 10h46
Cigarro eletrônico pode conter altas dosagens de nicotina, metais pesados e substâncias cancerígenasAs causas para este aumento especificamente ainda precisam ser estudadas

Um estudo publicado Journal of the National Cancer Institute avaliou a incidência de câncer de pulmão em pessoas que nunca fumaram e constatou um aumento no número desses casos.

De 10 a 15% de todos os casos de câncer de pulmão nos Estados Unidos são de pessoas que nunca fumaram. Esse estudo quis saber se o número foi aumentando ao longo dos anos. Os pesquisadores concluíram que entre 1990 e 1995 a incidência de câncer de pulmão em não fumantes era de 8%. Esse índice subiu para 14,9% entre 2011 e 2013. O aumento ocorreu independentemente do sexo, raça, idade, diagnóstico precoce.

As causas para este aumento especificamente ainda precisam ser estudadas. Mas nós sabemos que o fumo passivo, a poluição das grandes cidades e a exposição à radiação são fatores que aumentam o risco de câncer de pulmão.

Somos o Instituto Vencer o Câncer. Estamos juntos com você nessa luta. Acesse o nosso site: vencerocancer.org.br