Efeito da vacina contra o HPV pode ser mais amplo do que se pensava

  • Por Jovem Pan
  • 01/09/2017 10h21 - Atualizado em 01/09/2017 10h21
A vacina contra o HPV protege contra dois subtipos do vírus, o 16 e o 18, que aumentam o risco de câncer

Um importante estudo publicado no Journal of the National Cancer Institute mostrou que o efeito da vacina contra o HPV pode ser mais amplo do que se pensava.

A vacina contra o HPV protege contra dois subtipos do vírus, o 16 e o 18, que aumentam o risco de câncer. Esse estudo mostrou, no entanto, que a incidência de outros subtipos oncogênicos como 35, 52, 58, 68 e 73 foi muito menor em pessoas vacinadas do que nas que não foram imunizadas.

O estudo foi feito com 21 mil 596 mulheres. A análise reforça, portanto, a importância da vacinação contra o HPV como uma medida de prevenção contra alguns tipos de câncer como de cólo de útero, vulva, canal anal, pênis e orofaringe.

No Brasil, a vacina está disponível no SUS para meninas de 9 a 15 anos e para meninos de 11 a 15 anos. Para ter eficácia, a vacina deve ser tomada em duas doses. Não deixe de vacinar o seu filho!

Somos o Instituto Vencer o Câncer. Estamos juntos com você nessa luta.