Mulheres diagnosticadas com câncer de mama podem engravidar após o tratamento

  • Por Jovem Pan
  • 31/07/2017 07h54
O que acontece é que, muitas vezes, o tratamento diminui a fertilidade de algumas mulheres, mas as que se mantiverem férteis após o tratamento, poderão, sim, engravidar

O câncer de mama acomete uma em cada 10 mulheres ao longo da vida e uma das preocupações da mulher diagnosticada com a doença é se ela poderá engravidar após o tratamento. Sim, ela poderá engravidar! O que acontece é que, muitas vezes, o tratamento diminui a fertilidade de algumas mulheres, mas as que se mantiverem férteis após o tratamento, poderão, sim, engravidar.

No encontro anual da Sociedade Americana de Oncologia Clínica foi apresentado um estudo feito com 1.207 mulheres com menos de 50 anos, que tiveram câncer de mama e que não havia se espalhado para outras partes do corpo. Esse estudo mostrou que a gravidez não aumenta o risco de a doença voltar.

Essas mulheres foram acompanhadas durante 10 anos. 333 mulheres delas engravidaram durante o estudo. Os pesquisadores não encontraram nenhuma diferença na sobrevivência livre de doença entre as mulheres que ficaram grávidas e as que não engravidaram.

Somos o Instituto Vencer o Câncer. Estamos juntos com você nessa luta. Acesse o nosso site: vencerocancer.org.br