Para evitar obesidade infantil, tenha cuidado com a dieta das crianças

  • Por Jovem Pan
  • 01/11/2017 09h18
Divulgação DIVULGAÇÃO Uma criança obesa tem mais chances de se tornar um adulto obeso e consequentemente terá mais problemas de saúde na fase adulta

Hoje quero chamar atenção para os cuidados com a alimentação das crianças. Uma dieta baseada em alimentos ultraprocessados pode levar à obesidade infantil.

Uma criança obesa tem mais chances de se tornar um adulto obeso e consequentemente terá mais problemas de saúde na fase adulta. Sabemos que a obesidade aumenta o risco de câncer de esôfago, estômago, pâncreas, vesícula biliar, fígado, intestino, rim, mama (nas mulheres na pós-menopausa), ovário, endométrio, entre outros.

O tratamento da obesidade infantil envolve médicos, nutricionista, psicólogo e a própria família. Além da mudança dos hábitos alimentares, é indicado que a criança faça atividade física regular. Ela pode começar, por exemplo, fazendo um trecho do percurso até a escola a pé.

E a prevenção sempre é o melhor que se pode fazer. Os pais devem cuidar da adequadamente da alimentação dos filhos desde o nascimento com o aleitamento materno e depois com uma dieta com alimentos in natura ou minimamente processados.

Confira o comentário completo de Fernando Maluf: