Mercado financeiro brasileiro tem perspectiva fraca de crescimento

  • Por Jovem Pan
  • 07/01/2014 11h14

A previsão de expansão do PIB para 2014 está abaixo dos 2% e as perspectivas de crescimento do Brasil pioram cada vez mais. Houve uma desaceleração da geração de empregos, mesmo que a taxa de desemprego tenha atingido o menor nível da história, e uma diminuição do índice de ajustes salariais.

“A grande aposta ainda são os investimentos em infraestrutura. No final do ano passado nós tivemos alguns sinais mais favoráveis, o governo conseguiu acelerar alguns concessões, mas mesmo que o cronograma deste ano também siga uma expectativa favorável, o resultado efetivo ainda demora algum tempo para aparecer”, diz a comentarista da JOVEM PAN, Denise Campos de Toledo. Confira no áudio mais detalhes sobre o que disse a especialista.