O essencial é uma investigação transparente e isenta sobre a morte de Alberto Nisman

  • Por Jovem Pan
  • 23/01/2015 17h31

O comentarista internacional Caio Blinder comentou sobre a declaração da presidente argentina Cristina Kirchner de que está convencida de que a morte do promotor Alberto Nisman não cometeu suicídio.

O essencial agora é uma investigação transparente e isenta, o que é uma perspectiva melancólica, de acordo com Blinder, uma vez que grande parte dos argentinos não confia na polícia.

*Ouça o áudio completo