Para o ano novo, Esper Chacur propõe a quebra de tabus com os vinhos

  • Por Jovem Pan
  • 09/01/2014 13h22

Emagrecer, parar de fumar, fazer ginástica. As pessoas geralmente costumam fazer promessas e listas de coisas para cumprir na virada de ano. Nesta edição da Enoteca Jovem Pan, o consultor Esper Chacur sugere mais uma delas aos ouvintes: quebrar tabus também quando se trata de vinhos. 

Segundo ele, o vinho tinto não tem que ser tomado sempre na temperatura ambiente, como dizem por aí, mas sim naquela adequada à temperatura do dia. Os peixes também não precisam necessariamente ser acompanhados com vinhos brancos (o que manda mais, no caso, são os molhos dos pratos). E, se você estiver morrendo de calor na beira de um piscina e tiver vontade de colocar umas pedrinhas de gelo no espumante, coloque! 

Esper explica que o vinho não precisa de tanta referência para te dar prazer. Não siga regras pré-estabelecidas. Respeite algumas orientações, mas sem tanta rigidez. Valorize, acima de tudo, o prazer que a bebida pode te dar. 

Ouça a íntegra no áudio.